segunda-feira, outubro 02, 2006

Quando o tempo começa a piorar...

... pioram também as horas de segunda-feira.

E se não devo chorar, não tenho a certeza se me devo rir.

Sem a minha colega cá e com pouca vontade, apercebo-me das personagens que por aqui passam. Não que goste de observar os outros, normalmente tenho mais que fazer, mas hoje particularmente decidiram todos encalhar aqui na minha secretária. Um quer um cd, o outro pergunta-me pela filha e aproveita para contar os passos todos que o filho deu na noite anterior... O telefone não pára... Entra aqui, desde a senhora da limpeza que grita com todos, até à boazona que vem vender redes telefónicas e se fecha no escritório com o patrão às gargalhadas. Os olhares que se centram no tamanho da sua saia.

Eu vou beber um café bem quente e no caminho recebo um trabalho novo (ai porque é que me levantei).
As frases aqui são para maiores de 18.
Um berbequim novamente nos meus ouvidos.
Novamente o telefone e o telemóvel também.
Hoje não há música ambiente e tirei os "phones" porque já me doem os ouvidos.

E porque é que há dias em que a poesia acaba e só existe roído?

São dias como este, que me aguçam outro objectivo.

3 comentários:

Ana disse...

Há certas manhãs que uma pessoa á tarde não deve sair á noite...

Esta segunda-feira será certamente um destes dias. ;o)

Eu tb estive sozinha 2 semanas e uns dias (q grande seca!!), mas a minha colega já chegou hoje. Sempre os dias se levam bem melhor!!

Beijocas grandes... já falta pouco para a saída (pelo menos para mim!!)

paula disse...

Já que não posso ser solidária contigo ...deixo-te um xi-coração muito grande!
Jinhos
Paula

sandra disse...

Há dias assim...em que apetece passar á frente e apagar do calendário. è só mais umas horitas... o amnhã tá quase a chegar....

jocas